Guia Instacarro Honda Fit

Publicado em agosto 31st, 2017 | por Instacarro

O veterano Honda Fit continua confiável

O veterano Honda Fit continua confiável Instacarro

Avaliação Instacarro

Mercado
Custo/manutenção
Avaliação Instacarro

Summary: O Honda Fit foi o primeiro volume disponível no mercado brasileiro, e continua sendo um dos principais carros da Honda

4.3

Estrelas


User Rating: 4.5 (1 votes)

Lançado em 2003, o Honda Fit chegou ao Brasil para se tornar o principal automóvel da conhecida montadora japonesa. Inicialmente vendido com um motor 1.4 de 80 cv nas versões LX e LXL, o monovolume, em seu primeiro ano, não chamou tanta atenção do mercado e acabou vendendo pouco mais de 15 mil unidades. Porém, foi conquistando os consumidores brasileiros aos poucos e manteve uma média de mais de 30 mil vendidos por ano, o dobro do período de lançamento.

No entanto, as vendas do Honda Fit no Brasil estouraram mesmo em duas ocasiões: no lançamento da sua segunda geração, em 2009, e no ano seguinte à apresentação do Honda Fit Twist, um modelo feito exclusivamente para o mercado brasileiro, em 2014. Nesses dois períodos, os números giraram em torno dos 50 mil carros vendidos. Apenas dois anos depois do lançamento da versão twist do Honda Fit, chega às concessionárias a terceira e mais recente geração do monovolume.

Há mais de dez anos no mercado, o Honda Fit continua inspirando confiança a quem o compra. Confira o post completo para saber mais sobre o monovolume mais clássico da montadora japonesa!

O mercado do Honda Fit

Honda-FitPor muitos anos, o Fit foi o automóvel carro-chefe da montadora japonesa. Era o carro mais vendido de toda a Honda, participando muito bem tanto no mercado de novos quanto no de usados. Com o lançamento dos SUVs HR-V, WR-V e também da terceira geração do Civic, o Fit teve uma queda de importância entre os automóveis da montadora, sendo ultrapassado pelos modelos citados. Entretanto, sempre considerado um carro espaçoso, versátil e com um bom custo-benefício devido ao seu baixo consumo de gasolina, o Fit mantém credibilidade o suficiente para não ser esquecido pelos consumidores.

A versão da terceira geração desse Honda ainda consegue agradar a qualquer consumidor, especialmente os que buscam um carro espaçoso e para a família. O Honda Fit automático, principalmente, é um dos mais procurados em concessionárias e em anúncios na internet. Normalmente, figura, ao menos, entre os vinte carros usados mais vendidos no mês, segundo dados levantados pela Fenabrave (Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores). Nesse ramo, o Fit é capaz de concorrer com alguns dos melhores carros populares, como o HB20 e o Onix, e também com o Prisma, sedan compacto da Chevrolet que possui vendas expressivas.

Por possuir um certo respeito dentro do mercado, visto que é quase unânime que o Honda Fit é um ótimo carro, o monovolume não deve possuir dificuldades para ser negociado. Tanto para quem deseja comprar um, inclusive concessionárias e lojistas, quanto para quem o precisa vender.

Custo/manutenção do Honda Fit

Honda-FitA Honda é uma montadora já conhecida pela sua capacidade de desenvolver automóveis que sejam confiáveis ao consumidor. Cumpre o que promete, além de dificilmente deixar o motorista na mão em uma situação difícil, como, por exemplo, ao dirigir à noite na estrada. O Honda Fit novo, ou mesmo o usado, não foge dessa imagem. Um ranking preparado com dados publicados pela PROTESTE (Associação Brasileira de Defesa ao Consumidor) aponta que o monovolume é o terceiro carro que menos dá problemas ao seu proprietário, ficando atrás apenas do Civic, também da Honda, e do Corolla, da Toyota.

Ou seja, o proprietário provavelmente terá poucas dores de cabeça com manutenção. Talvez gaste apenas com despesas preventivas com o seu Fit, a fim de reduzir ao máximo a possibilidade de riscos futuros. Caso seja necessário, a Honda possui uma razoável rede autorizada de concessionárias para a realização de serviços ao consumidor. Nesse caso, o preço das peças pode variar bastante. A manutenção pode acabar não sendo barata, mas também não costuma possuir um preço elevado.

Se tratando de consumo de combustível e poluição do meio-ambiente, o Honda Fit ganhou, em 2014, o prêmio Carro Verde do Ano, entregue pela revista Autoesporte. Na ocasião, a terceira geração do Honda Fit conseguiu a condecoração por adotar o câmbio CVT, que ajuda a emitir menos monóxido de carbono e, principalmente, economizar combustível. Além de ser resistente, o monovolume possui uma ótima média de consumo, chegando a fazer 12 km/L na cidade utilizando gasolina.

Avaliação Instacarro de venda

Dentre todos os automóveis da Honda, o Fit, por um bom tempo, foi o carro-chefe da montadora. Desde 2015, começou a perder espaço para outro modelos, como o HR-V e a terceira geração do Civic. Porém, ainda mantém no mercado um respeito que o faz ser bem vendido mesmo tendo concorrência até dentro da própria montadora. Também atinge uma ótima média de consumo de combustível andando na cidade, o que ajuda o proprietário a economizar nos gastos com o automóvel. Considerando tudo isso, o Honda Fit recebe nota máxima na avaliação Instacarro de venda, qualificando-o como um carro com forte apelo de mercado, tanto na venda quanto na revenda.

Então, sendo o Fit um carro bom de se vender, o proprietário pode fazer isso de forma rápida e sem dor de cabeça pela Instacarro. A empresa oferece uma estrutura que vai desde a captação de lojistas até as oficinas especializadas em avaliar o valor do carro. Comparecendo em um dos pontos de avaliação dos carros, o dono do carro obtém um preço final justo para o seu Honda Fit e, então, o automóvel é oferecido a diversas concessionárias e lojistas de todo o Brasil.

Venda o seu Honda Fit em 3 passos

Honda-Fit


Sobre o Autor

A Instacarro é uma plataforma online de venda de carros usados determinada a revolucionar a indústria automobilística do Brasil. Para quem quer vender um carro usado, a Instacarro é a melhor opção!



Voltar para cima ↑